"A Verdade não precisa de defesa; por si mesma ela se defende. A Verdade precisa ser proclamada!"

19 janeiro 2011

Participante Secreto: Culto na Igreja Batista da Lagoinha





Terça feira, 05 de janeiro de 2010. Com insistência pertinaz de alguns amigos, cedi aos seus pedidos e fui assistir ao culto de terça-feira da Igreja Batista da Lagoinha. Para evitar que este artigo seja tendencioso, não tecerei nenhum comentário além dos pedidos pelo formulário.

Freqüentador Misterioso: TheMeanReverend

A Igreja: Igreja Batista da Lagoinha, Belo Horizonte, Minas Gerais.

Denominação: Batista Renovada / Pentecostal. Afiliada à Convenção Batista Nacional.

O prédio: Um Mega Auditório. Nenhuma aparência de finalidade religiosa.

A comunidade: A Lagoinha tem 50.000 membros. Que tipo de comunidade pode haver entre 50.000 pessoas? Enfim... Todos os tipos de gente, juntos e misturados.

A vizinhança: Até há alguns anos, a igreja realmente ficava no bairro Lagoinha, mas cresceu tanto que precisou de seu novo santuário, que fica no São Cristóvão, às margens da Av. Antônio Carlos. A localização é ruim. As ruas são íngremes, o bairro é perigoso e deserto, ainda mais agora, com as obras de ampliação da referida avenida.

Elenco: André Valadão, digo, Pr. André Valadão.

Data e Horário: 05/01/2010, 19:30


Qual o nome do culto?
Culto de terça feira.

Quão cheio estava o salão de cultos?
Absurdamente lotado. Gente onde havia espaço. Como cheguei com uns 20mins. de atraso, só consegui me assentar porque minhas companhias tinham guardado um para mim.

Alguém lhe deu boas-vindas?
Havia diáconos à porta, mas não fui saudado com "boa noite", "seja bem vindo", ou mesmo "paz do Senhor". Somente me deram um exemplar do jornal da igreja.

Seu assento era confortável?
Depende do uso. Para ficar de pé, não, porque o banco tem uma estranha construção que não me permitiu levantar-me. Nos momentos necessários, eu ficava no corredor. Mas para me assentar, era relativamente confortável, um pouco apertado, mas eu tenho as pernas compridas... Contudo, uma moça que estava apoiando os pés no encosto do banco para abaná-los, na 2a galeria, parecia estar fazendo melhor uso deles que eu.

Como você descreveria o ambiente antes do culto?
Infelizmente cheguei atrasado.

Quais foram, exatamente, as palavras de abertura do culto?
Idem.

Que livros foram usados pela congregação durante o culto?
As letras das músicas eram projetadas nos inúmeros telões e tvs em diversos pontos do auditório. Os que trouxeram Bíblias consigo as usaram. Não havia nem mesmo compartimentos nos bancos para nada. Muitos estavam lendo o jornal da igreja ("Atos Hoje") durante o culto...

Que instrumentos musicais foram tocados?
Havia um baterista que tinha um sério problema de tourette (só isso para explicar os espasmos com que agredia o instrumento). Um guitarrista à la pop. André Valadão ao piano eletrônico da igreja. Só.

Algo o distraiu?
Seria interessante perguntar se algo permitia a concentração. Tal a euforia dos participantes em pular, gritar, urrar, dar seus brados de vitória, glórias a Deus, e sempre dizer ao irmão ao lado o que estava fazendo parte da "ministração" que era literalmente impossível concentrar-se nas letras que se cantavam. Mesmo não sendo essa uma tarefa muito difícil, por se tratar de músicas de apenas um verso.

O estilo do culto, qual era? Saltitante, engessado ou o quê?
Eu nunca participei de uma condução emotiva tão - como dizer? - rasteira. A idéia óbvia era levar os participantes ao êxtase emotivo; alguns chegaram a ter momentos de real descontrole de seus sentidos durante o culto. Não caberia na definição de saltitante, porque há sempre a tonalidade festiva nesses cultos. Neste havia uma combinação de euforia e lugubrismo, algo muito estranho. Não saberia definir o estilo do culto, sinceramente.

Qual a duração exata do sermão?
Considerando que houve uma inteira reflexão antes do ofertório de 10 minutos, o segundo sermão, e principal da noite, ocupou pouco mais de 20 minutos.

Numa escala de 1 a 10, quão bom era o sermão? E o pregador?
2 para o sermão. Raciocínio curto, insípido, com vôos e terríveis alegorias quase heréticas. Bobajada prosperista. Para o pregador, 3; é um rapaz que se esforça, e chega a fazer boas piadas de púlpito

Em suma, sobre o que foi o sermão?
O primeiro sermão, antes do ofertório: João 10.10. Jesus veio para nos dar vida e abundância. Vida é o que gera, multiplica; Abundância é o que sobra. Aquilo que não gera nem multiplica nem abunda em nossas vidas não vem de Deus, mas do Diabo (o qual foi devidamente "amarrado" pelo oficiante, com a garantia (o termo usado foi profecia) de quem em 2010 nenhum dos presentes terminaria o ano no vermelho.

O Segundo sermão foi sobre fé. E sobre como Deus se agrada dela. Orbitou no uso da fé em 2010, com constantes afirmações "para o irmão que está ao seu lado" de que "2010 será o melhor ano da Minha vida". Interrupções constantes por aplausos a todos e a qualquer um me distraíram um pouco do raciocínio, mas também houve menção sobre como devemos ser ativos em tomar posse das bênçãos em nossas vidas, e nada deixar ao Deus-dará (o que suscitou um debate interessante com minhas companhias após o culto).

Que parte do culto foi como estar no céu?

Sair dele.

E qual parte foi como estar... hã... no outro lugar?
Não diria ter sido somente uma.

O que aconteceu depois do culto?
Fomos embora para o Subway Savassi lanchar e tecer comentários sobre o culto.

Como você descreveria o cafezinho após o culto?
Há uma lojinha na imediação do templo chamada Café Maná para quem queira lá ir.

Como você se sentiria em congregar nesta igreja? (numa escala sendo 10 = extasiado e
0 = terminal)

-80. Como disse para minha família e para muitos amigos: se só houvesse igrejas assim em Belo Horizonte, eu não iria a nenhuma, ou faria uma em minha casa, diametralmente oposta.

O Culto o fez feliz por ser um cristão?
Penso que o Cristianismo seja muito mais que prosperismo e emotismo.

O que você vai guardar na memória deste culto?
O delicioso momento com meus amigos no Subway Savassi.
Fonte: Participante Secreto

18 comentários:

Esli Soares disse...

Hehehe, que triste!

Mulheres de Excelência disse...

Meu Deus...Tenha misericóricordia!!
Jesus!!! estou extasiada!

Música, Ciência e Teologia disse...

Jorge, o que dizer? Ir a uma igreja evangélica e se arrepender de ter ido!!! É lamentável os caminhos que a igreja brasileira está seguindo. Que Deus tenha misericórdia de nós.

Abração, Marcos.

magela disse...

não congrego na IBL,nem acho o P André umm grande musico, mas.... dai dar como certo a opinião de alguem que nem sequer teve a honradez de se mostrar e achar que é o fino da verdade, alguem que já foi pré-disposto a dar uma opinião negativa, alguem que acha que tudo que vai contra o que ele acha que é certo não presta, que coisa horrivel,que radicalismo heim? donos da verdade?, qual? a deles, só a deles

Jorge Fernandes Isah disse...

Esli,
é triste mesmo!
Abraços.


Paula,
é de deixar qualquer um em outro mundo [rsrs], pena que aquele mundo seja apenas uma repetição histriônica deste aqui, em que vivemos.
Abraços.

Marcos,
As coisas não vão bem mesmo... a igreja passa por altos e baixos... não sei precisar, mas penso que estamos no baixo dos baixos.
Abraços.

Magela,
Primeiro, sua tentativa de refutação não é argumentativa, é especulativa, exatamente porque você não pontuou o que há de errado no texto. Apenas deixou claro que não gostou do que leu, e se ateve em desmerecer o autor [que não vem ao caso] para desmerecer o texto, nada mais.
Por outro lado, o autor não precisa "mostrar a cara" para que diga a verdade. Muitos mostram-na e somente dizem mentiras; e se você tivesse ido ao blog original da postagem, veria que o nome de, ao menos um dos colaboradores, encontra-se lá, com perfil completo e foto no blogger.
Radicalismo? Posso acusá-lo de frouxismo também, e daí?
Ah... apenas para não esquecer, quem disse que você é mesmo o Magela? Pode ser ou pode não ser, e nem por isso deixei de considerar suas palavras, ainda que não concorde com o que disse.
Abraços.

Rondynele disse...

Considero que ir à um culto simplesmente para analisá-lo é preocupante. Mas tudo bem, se isso for gerar uma mudança na sua vida, fazendo-o interceder intensamente por todo o corpo de Cristo espalhado de várias formas pelo mundo: tradicionais, pentecostais históricos, neo-pentecostais, reformados, avivados... O Reino é para multidões que juntos formam uma só comunidade, a dos filhos de Deus que se amam e trabalham juntos.

Jorge Fernandes Isah disse...

Rondynele,

mais preocupante é o descaramento, a megalomania, a mentira, o descabimento, a desordem e a falta de fidelidade bíblica de muitas igrejas ditas cristãs, e que estão a proclamar um falso evangelho.

Verificar até que ponto um culto é bíblico ou não, é algo que eu não faria, pois raramente visito outras igrejas. Postei a avaliação da IBL por aqui, porque já assisti alguns cultos via o canal de TV que eles têm, e o autor do texto foi fiel em retratar aquilo que eu pude ver também.

Quanto a interceder por eles, concordo com você; mas penso que eles mesmos deveriam orar por si, para voltarem ao bom e velho caminho do Evangelho de Cristo, e abandonar, definitivamente, as bizarrices e o falso evangelho da prosperidade.

Então, oremos, eu e você, para que Deus os coloque no caminho da verdade.

Abraços.

Cristo o abençoe!

PS: O Corpo de Cristo não é formado por denominações ou instituições eclesiásticas, e sim por indivíduos. Por isso, penso que Deus tem ali no seio da IBL pessoas que fazem parte da Igreja [espiritual], pela qual Cristo morreu, assim como em qualquer igreja [institucional] há trigo e joio. Portanto, orar pela IBL, como Corpo de Cristo, não procede. Devemos orar para que seus líderes voltem ao Evangelho, que os incrédulos ali se convertam, e que Deus preserve e abençoe os eleitos, guardando-os do engano, e revelando-lhes a verdade.

Ademar Junior disse...

Meu irmão, fala então como é o culto na sua igreja, e deixe o endereço da mesma. Obrigado

Jorge Fernandes Isah disse...

Rapaz,

deixo não! Vai que essa é uma tentativa de levar represálias aos meus irmãos que nada têm a ver com isso... com a postagem, quero dizer [rsrs]. Se quiser, marcamos um encontro em um local público, de grande público [mas não vale a Lagoinha], e conversamos sobre como deve ser uma igreja bíblica e neotestamentária. Mas acredito que se tiver uma Bíblia, entre Mateus e Apolocalipse, você encontrará, devidamente, as sábias e santas respostas às perguntas que não fez e que não parecem interessá-lo.

Fique na paz!

Julisiqueira disse...

Deus tenha misericórdia de nós. Por que você alimenta tanta soberba em seu coração, Jorge?! Por acaso, não sabes que todos nós somos falhos? E que a igreja é feita por nós? O que seria de mim e de você se não fosse a misericórdia de Deus?!Nada; não seríamos nada. Então, já que você diz ler a bíblia, faça um favor a si: leia mais o livro de provérbios, assim como o de salmos e preocupe-se em agradar e obedecer a Deus, invés de achar que é o Próprio e sair por aí condenando as igrejas.
A paz do Senhor!
Juliana Siqueira.

Jorge Fernandes Isah disse...

Juliana,

por acaso está a falar da mesma soberba que a moveu a vir aqui e me criticar? Ou será que você pode acusar e eu não? Quer dizer que levantar uma crítica contra uma igreja não pode, mas vcoê me chamar de soberbo, de me considerar o "Próprio" pode? Qual é mesmo a diferença entre eu e você? Vou-lhe dizer: Eu falei do que é real, e qualquer que tenha lido um mínimo de Escritura pode comprovar que a doutrina e o culto da Lagoínha não são bíblicos. Mas e você? Para "demolir" os argumentos contra a IBL sequer arrazoou, apenas proferiu ofensas contra mim [argumento ad hominen].

Então, não há mais o que dizer.

Cristo a abençoe!

Anônimo disse...

Mostre-me uma igreja perfeita e eu lhe mostrarei o trono onde Deus está assentado,paz filho.

Matheus disse...

O dia que o culto for pra você a gente te avisa. Até então o culto é pra Jesus, e almas tem sido libertas na Igreja Batista da Lagoinha.

Jorge Fernandes Isah disse...

Pela última vez, responderei a comentários evasivos, os quais não mais publicarei, já que nenhum dos críticos ao texto até agora se preocupou em apontar as suas possíveis falhas ou contra-argumentou objetivamente. Ao contrário, decidiram, em sua maioria, desqualificar o autor ou o republicador, eu, no caso; e uma outra turma se utilizou de falácias diversas. E isso em nada ajuda a esclarecer ou anular as denúncias aqui postadas; portanto, até que alguém o faça, os ataques pessoais ou respostas fugidias estarão sumariamente rejeitadas.

Cristo nos abençoe e dê sabedoria!

Anônimo disse...

HAAAAA Galera fala serio. Congrego na Lagoinha. Realmente este cara deve ser o xodó de Deus neh, porque ir a igreja para falar mal dela, se você estiver em comunhão com ele, aonde estiver, idepende você vai senti-lo. Realmente a igreja e cheia, e o cara chega atrasado, eu chego uma hora antes pra conseguir lugar na frente... Vai buscar ao Senhor ao invés de ir procurar defeito, se está insatisfeito ore ao Senhor e diga dez muda aquele povo, neh falar mau na internet não, que feio... Não gostei!

Fernando Moraes disse...

Pelo o que vi, esse post é antigo mas vale comenta-lo. Sou batista e a igreja Batista da Lagoinha nao configura mais o quadro da Convenção Batista Brasileira, justamente por nao estarem dentro da doutrina da igreja. Confesso que nunca fui na igreja "diante do trono", mas posso falar pelos cultos que assisti e vi a teoria da prosperidade sendo pregada de maneira natural, buscando o bem estar proprio e nada mais, isso porque Cristo disse que no mundo seriamos perseguidos, teriamos aflições porque o mundo jaz no maligno, mas que teríamos a vitoria se permanecessemos nele. O povo cristao tem por marca sua educacao e preocupacao com o proximo, eu nao preciso ir ate la pra saber que isso é praticado pelas maiorias das igrejas evangelicas, preocupam-se mais ficar nas suas panelinhas do que dar atencao e assistencia. O amor de Cristo esta se perdendo aos poucos e dando entrada as coisas mundanas no meio do povo, estao buscando bens materiais, paz interior e milagres nao mais a Jesus. Quero que me provem que essa igreja nao prega teoria da prosperidade com uma frase dessas : "tal ano sera o melhor da sua vida", onde a biblia prova totalmente ao contrario . Eu nao conheco um discipulo de Jesus que teve prosperidade, ou que a vida deles foram as mil maravilhas, o que vi foram pessoas perseguidas, sendo mortas até por Cristo. Aliás, o proprio nao tinha riquezas e viva sa bondade do povo, dessa forma, porque pregam um Cristo esnobe mercenario e interesseiro se Ele foi totalmente oposto e contrario a isso? Que possamos abrir os nossos olhos, pois Cristo logo vem e nao tomara por inocente ninguem com uma conduta dessa. A paz de Cristo.

Anônimo disse...

Um lixo.. A porcaria da pessoa que foi ao culto destruiu ele, porque estava lá..

Matheus disse...

Fernando Moraes, a Lagoinha não faz parte da Convenção Batista Brasileira há décadas. A Lagoinha é uma Igreja Batista Renovada, ou seja é a Convenção Batista Nacional, inclusive a segunda convenção foi criada em uma reunião feita na própria Lagoinha.